Ressaca: como sobreviver ao dia seguinte

Raros são os adultos que nunca passaram pela provação de uma grande ressaca. Alguns têm ressaca porque bebem demais, outros simplesmente porque bebem mal – desprezando toda a experiência acumulada de anos de civilização, e optando por encarar a garrafa com o estômago vazio, misturando bebidas e ultrapassando seu limite pessoal.
Talvez a melhor receita para encarar uma grande ressaca seja certificar-se de não ter nenhum compromisso no dia seguinte, de que sua casa tem tudo que você precisa para sobreviver ao dia seguinte sem colocar o pé na rua, e de que você bebeu para celebrar algo muito bom, para ao menos ter a ilusão de que o excesso valeu a pena.
 
Mas sejamos práticos: a melhor forma de evitar a ressaca em si é não beber álcool sem moderação. Além disso, raramente podemos contar com o luxo de passar o dia seguinte na cama, em um ambiente climatizado, com as cortinas fechadas e uma TV mostrando episódios antigos de Baywatch e The Nanny.
Vamos então a uma série de dicas sobre como evitar e “curar” a ressaca. Antes uma observação: adapte as dicas ao seu estilo de vida apenas quando as julgar aplicáveis com segurança – quando se trata da sua saúde, o melhor é consultar um profissional antes de experimentar qualquer procedimento. E, claro, o correto é nunca ingerir álcool além do limite seguro, e nunca beber se for dirigir.
 

Entendendo a ressaca

 
Pessoas com ressaca sentem uma série de sintomas comuns: dores de cabeça, dificuldade de se concentrar, prostração, mau humor e irritabilidade, problemas digestivos e dores no êstomago, náuses, vômitos… Além de processar o próprio álcool e outras substâncias presentes nas bebidas, em geral o seu corpo ainda tem que lidar com os efeitos de uma provável noite anterior longa e agitada.
E ainda é necessário contar com os efeitos psicológicos, seja os relacionados aos motivos que o conduziram a beber desse jeito, ou à lembrança do que você fez sob o efeito do álcool, ou ainda pela consciência do estado miserável em que você se encontra agora que acordou 😉
 

“Curando” a ressaca

 
Não há remédios mágicos universais – a não ser que seu caso seja extremo (e aí é bom ir direto para o hospital), você terá que deixar o seu corpo processar ou colocar para fora o excesso que você ingeriu.
Mas há muitas alternativas que você pode experimentar para acelerar ou tornar mais tolerável o processo. Vamos a algumas delas:
 
Dilua o álcool: A ressaca está associada a desidratação. No dia seguinte, beba água em abundância, para combater este efeito e acelerar a “lavação” do organismo. Isto vai ajudar a evitar as piores dores de cabeça. Se você tende a usar o velho truque de tomar café para ficar acordado, procure antes por alguma alternativa, afinal ele também é diurético. Ou beba ainda mais água! Sucos de frutas (escolha as menos ácidas) podem ajudar também. Se possível, beba bastante água ou suco de frutas antes de ir deitar, para ajudar a combater os efeitos enquanto dorme. E se você for realmente preventivo, alterne as bebidas alcoólicas com água, suco ou refrigerante durante a noite, para já ir prevenindo e reduzindo o problema.
 
Coma direito, menino! O bar tende a oferecer salgadinhos, e assim aumenta o desejo de beber. Se você beber ao longo de uma refeição “de verdade”, como uma carne (rica em proteínas), ou uma massa, sempre em quantidades moderadas, é provável que sofra muito menos efeito no dia seguinte, devido à digestão da refeição em paralelo com a absorção de bebida – e menos bebida, porque não houve o efeito de aumento artificial do desejo de beber.
 
Antes também: Seu avô provavelmente aprendeu que um pão com bastante manteiga antes de beber ajuda a prevenir o porre, e ajuda mesmo. Um bom sanduíche antes de sair já é melhor do que sair de barriga vazia. Tem a ver com a disponibilidade de recursos de processamento na CPU do seu êstomago: se ele não estiver digerindo nada, pode se dedicar integralmente a absorver o álcool. Mas não erre na mão na hora de forrar o estômago, caso contrário, o efeito que você vai causar na hora em que seu estômago resolver colocar tudo para fora será muito mais intensamente colorido.

 

 

 

 

Colabore com seu estômago: e com todo o sistema digestivo – especialmente o fígado. No dia seguinte, ingerir glicose e frutose (basicamente, doces e frutas) pode ajudar seu corpo a se livrar do álcool mais rapidamente. Evite comidas ácidas, gordurosas ou difíceis de digerir, quando você já estiver de ressaca. Chocolate, café, molhos apimentados, frutas cítricas são exemplos do que você deve evitar. Seu estômago já estará suficientemente ácido. Torradas com mel ou geléia, e um suco de frutas (mas não de laranja ou limão, se puder evitar – muito ácido), podem ser a base de um café da manhã. No almoço, uma sopa de legumes ou uma salada de legumes cozidos. Hora de ser saudável!
 
Cuidado com a lenda: Não é verdade que ressaca se cura com mais álcool. Pode ajudar a combater os sintomas a curto prazo, e pode ser uma boa desculpa para mais uma cervejinha ao acordar, se você não estiver com ressaca de verdade. Mas se estiver, tomar mais álcool só empurra um pouco mais pra frente o problema – uma hora o nível de álcool no seu organismo vai ter que se reduzir.
 

 

 
Use o bom senso: Não misture bebidas diferentes. Não beba se estiver usando medicação ou em tratamento médico. Não beba se estiver enfraquecido. Não dirija se beber!
 
 
 
 
 
 
 
 
 
            Augusto Campos
 
loading...
loading...

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

9 Comentários

  1. PRIS disse:

    Oi!!
    Não bebo, por isso não tenho ressaca, mas adorei a cor desta sopa, ponhe ai um prato pra mim por favor, hihihhi. Bjinhos

  2. Sublime Store disse:

    Pris, Sabe que uma sopinha seria bem vinda agora?!
    Tbm quero… hihihi

  3. Lenni Santana disse:

    Bom dia flor do dia!!!
    Adorei suas dicas, vc estar poderosas nas resenhas. Aja disponibilidades para tanto empenho e carinho, arrasou amiga, parabéns. Se a pessoas tivessem mais cuidados com a saúde e bem estar a vida ficaria mais fácil e feliz. Prevenção e´tudo. Aqui não participamos destas festas, nem bebemos, mas esta comidinha estar tudo de bom. Pode me servir, vou adorar, rsrsrs. Bjos
    DEUS CONTINUEI TE ABENÇOANDO.

  4. Sublime Store disse:

    Obrigada Lenni!
    Pode se juntar a nós na sopa!
    Vc é sempre bem vinda!
    Bjsss 😀

  5. Lenni Santana disse:

    Oi amore!!
    Obrigada pelo convite, sempre
    que tiver sopa; pode me chamar
    que estarei aqui, rsrsrs. Bjos
    DEUS CONTINUEI TE ABENÇOANDO.

  6. Islaine disse:

    Dicas otimas sobre a ressaca!
    Tbm quero participar dessa festinha da sopa!! hehehe.

  7. Eliza disse:

    Dicas maravilhosas! Arrasou!
    Parabéns pelo empenho!
    Gostei da sopa tbm! Quero participar!
    Sopa Sublime!!!

  8. Zenaide disse:

    Tbm quero participar dessa festa da sopa!!!!
    Otimo post.

  9. Jane disse:

    MARAVILHOSO, EU QUE SEMPRE SOFRIA DISSO HAUAHUAH

    ÁGUA DE CÔCO GALADINHA TMB É MUITO BOA!!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.